28/11/2008

CORRENTE MSC ULTRALIGHT TITANIUM


A MSC segue uma linha que procura uma posição destacada no que diz respeito à fabricação de componentes ultra-ligeiros. A grande novidade deste ano foi a apresentação dos quadros WCR e Koncept CARBON como os mais leves do mercado. Uma das particularidades da MSC é o facto de se poder montar uma bicicleta quase na totalidade com componentes da própria marca. Tinha inclusive informação que possivelmente se veria este ano no decorrer do FESTIBIKE o anúncio de desviadores MSC, mas infelizmente não consegui vê-los. Outro dos grandes trunfos foi a apresentação da corrente mais leve do mercado, a MSC Ultralight. No entanto, tal não foi suficiente e encontra-se já disponível a corrente MSC ULTRALIGHT TITANIUM. Mantém o mesmo molde onde é possivel ver gravada a sigla MSC. Vem também com uma cobertura de teflon na parte interior dos elos (à semelhança da Shimano XTR) para uma melhor passagem de mudanças. Este género de titânio teve um tratamento diferente do modelo mais económico o que lhe permite um endurecimento superior em 50 vezes mais.

Características:

- MSC Titanium Ultralight. 10v. 223g. 190€
- MSC Titanium Ultralight. 9v. 237g. 180€
- MSC Ultralight. 10v. 237g. 60€
- MSC Ultralight. 9v. 247g. 50€

Podem consultar o site da Marca em www.mscbikes.com

2 comentários:

FRINXAS disse...

40 contos por uma corrente????

Amigo, encomenda-me 3 !!!!!!

Gomes disse...

Agora junta-lhe uma cassete da KCNK que custa cerca de 300 euros!! Chama-se a isto o verdadeiro "Tunning" em bicicletas. Ainda esta semana ia á minha frente um amigo e começo a reparar nos apertos rápidos das rodas dele. Chamou-me a atenção a cor vermelha. Eram simplesmente uns KCNC que custam o par quase 50 euros.