18/09/2014

BOMBA DE AR BONTRAGER FLASH CHARGER

Este é um utensílio que vem ajudar bastante na montagem de um pneu, quer este seja tubeless ou de camara de ar.
Quantos vezes se tornou difícil, ou mesmo impossível selar um pneu com uma bomba convencional? A maior dificuldade tinha a ver com facto de não haver um grande volume de ar que permitisse a rápida selagem do pneu, tubeless ou convertido. A solução passava sempre pelo recurso ao compressor de ar.
Com esta bomba da Bontrager, tudo fica mais fácil. Basicamente existe um primeiro processo de bombear ficando o ar retido até um pressão máxima de 160 psi. Seguidamente, liberta-se de o ar em grande pressão de forma a garantir a selagem eficaz do pneu. Esta bomba poderá interessar para o uso caseiro em que não existe a hipótese do compressor de ar.









PARA ALÉM DOS DIREITOS, TAMBÉM AS OBRIGAÇÕES


ROLOS DE TREINO TACX - 2015



16/09/2014

EQUIPAMENTO FEMININO MAIS POLÉMICO DE SEMPRE

Será que o Marketing justifica tudo?
O fim justifica os meios?

BICICLETA RODA 29 E A GEOMETRIA DO QUADRO

Nos últimos anos temos assistido a um "mar agitado" no que diz respeito ao mercado das bicicletas de BTT. Esta agitação deve-se sobretudo aos tamanhos de roda, nomeadamente, 26, 27,5 e 29. A escolha de uma bicicleta deixou de se basear no tamanho do quadro ou no tipo de utilização, designadamente, rígida ou suspensão total. A estabilidade ainda não se verificou, as dúvidas são muitas e as indecisões ainda permanecem. Parece certo que em competição, a roda 26 passou para segundo plano. As opções de compra actualmente centram-se nos modelos 27,5 e 29. Na alta competição estas duas medidas de roda competem entre si, sobre quais apresentam melhor comportamento em cada tipo de terreno, tendo os atletas uma grande responsabilidade na imagem de fiabilidade e garantia de sucesso nos modelos e marcas que representam. Uma nova tendência surge agora com o sucesso aparente dos modelos de suspensão total com roda 27.5. Neste campo poderá influenciar a competência, destreza e técnica dos atletas. Como forma de dissipar algumas dúvidas surge uma teoria que pretende compatibilizar o tamanho de roda com a altura do atleta, ou seja, quando mais alto, maior o tamanho de roda. Esta teoria está relacionado com a escolha das bicicletas de criança consoante a idade/altura. São portanto muitas as variantes que influenciam hoje em dia a escolha de uma bicicleta mas, para além destas, outras variáveis devem ser tidas em conta. Dentro do mesmo tamanho de roda, a geometria do quadro difere de marca para marca. Se seleccionarmos um quadro 29er em tamanho M e analisarmos as diferentes marcas, constatamos que a geometria difere em medidas e em em ângulos. Isto poderá significar que não basta escolher o tamanho S, M ou L mas que a posição de condução deverá ser testada para que o comportamento e o rendimento sejam maximizados.
Analisando as principais marcas do mercado, verificam-se diferenças no tamanho do "top tube" (tubo horizontal, no comprimento do tubo do espigão do selim, nos ângulos de direcção e nos ângulos do espigão do selim.
Atentem nas especificações de geometria de algumas marcas:






Torna-se portando muito importante que seja efectuado o teste de uma bicicleta antes da compra, no sentido de garantir a geometria mais adequada a cada atleta. 
Cada vez mais a escolha de uma bicicleta se torna mais difícil. Se colocarmos ainda na equação o tipo de pneus, o diâmetro do espigão do selim, o tipo de selim, as relações da transmissão, etc, a decisão complica ainda mais, mas, com o devido acompanhamento e esclarecimento dos responsáveis das lojas da especialidade, sob as orientações das marcas/fabricantes, uma boa solução será sempre encontrada. 
Boas escolhas e boas pedaladas!

04/11/2013

AZURIBIKE NA FEIRA DOS SANTOS

Procurando promover e divulgar as suas atividades, o Clube Azuribike Mangualde Team esteve presente com um Stand na Feira dos Santos nos dias 02 e 03 de Novembro. Foi promovida uma campanha de angariação de sócios assim, como a divulgação dos objetivos paa 2014. Foram muitos milhares de pessoas que afluiram a este evento, provenientes das mais diversas Localidades do País. O clube Azuribike promoveu assim a sua imagem perante milhares de pessoas, dando a conhecer o trabalho desenvolvido, contribuindo para a dinamização da prática do ciclismo na população em geral.

 

24/10/2013

Fonte: "Noticias ao minuto"
 
A informação foi avançada pelo diário Weser Kurier e posteriormente confirmada por Klöden à agência de notícias DPA, alegando que a falta de ofertas e as suas duas filhas são dois dos principais motivos que contribuíram para a decisão de retirar-se.
O alemão de 38 anos, que cumpriu 16 épocas como profissional, foi dispensado pela sua atual equipa, a RadioShack, que no próximo ano correrá como Trek.
Klöden tem um extenso palmarés, no qual se destacam os dois segundos lugares na Volta a França, em 2004 e 2006, que até poderiam ser primeiros, caso a organização do Tour não tivesse decidido não reatribuir as vitórias retiradas a Lance Armstrong.
O agora ex-corredor venceu o Paris-Nice em 2000, a Volta ao País Basco em 2000 e 2001, a Tirreno-Adriático de 2007, a Volta à Romandia de 2008. Conquistou ainda o bronze olímpico em Sydney 2000.
Dono de uma grande classe sobre a bicicleta, Klöden foi por diversas vezes "crucificado" no seu país natal por alegadamente ter recorrido ao doping.
No entanto, no dia da sua retirada, o alemão negou que vá seguir o exemplo de compatriotas como Erik Zabel e Jan Ullrich que, durante as suas reformas, decidiram confessar-se.
"Não tenho nada a confessar", garantiu o homem que nos últimos anos enfrentou a federação alemã, a agência alemã antidopagem e a imprensa germânica.
Durante a sua carreira, Klöden representou a Telekom, posteriormente denominada T-Mobile (1998-2006), a Astana (2007-2009) e a RadioShack (2010-2013).

23/10/2013

Apresentação do Tour de France para 2014
Grande fotografia com um grande Português.
Estas foram as principais figuras entrevistadas no final da apresentação: